Quero agradecer os vários emails que tenho recebido e o carinho de todos que me visitam. Criei esse blog com o único objetivo de trocar ideias no trabalho com crianças na igreja. Também posto as lições de cada trimestre, que retiro do site http://www.advir.com/criancas/ onde baixo todos os auxiliares. Por isso não vejo a necessidade de colocar aqui, todas as partes de cada lição. Até quando puder continuarei postando apenas as histórias das lições, que estão nos auxiliares. Além de atividades e outras coisas mais. Espero estar ajudando e gostaria também de receber ideias novas. E assim continuar com esse site, que considero um trabalho na obra de Deus. Um grande abraço. Malu

sexta-feira, 31 de julho de 2009

Menina para recursos visuais

 

Recursos Visuais

 

Esta meninnha você pode imprimir na entertela que fica um ótimo recurso para contar historinhas.

Menina_-_Corpo0 Menina M%C3%A1 Menina_Feliz Menina_com_Raiva imagem 00

quinta-feira, 30 de julho de 2009

Menino para recursos visuais

 

 

As imagens podem ser impressas na cartolina ou entertela. Este recurso serve para trabalhar com as crianças sobre a “língua”,o falar mal dos outros, ou responder mal a alguém.

 

Recursos visuais para histórias

 

 

=_iso-8859-1_Q_A_l=EDngua_4-767600_jpg_=

=_iso-8859-1_Q_A_l=EDngua_2-768954_jpg_=   =_iso-8859-1_Q_A_l=EDngua_3-769515_jpg_=

Programa Especial Dia dos Pais

Programa Especial Dia dos Pais

Se voltarmos todos neste instante à nossa infância, nos lembraremos de como costumávamos desenhar o rosto de nossos pais. O detalhe que nos chama a atenção é que o nariz era desenhado como dois círculos. Sabem porquê? É que quando éramos pequenos e olhávamos nossos pais de baixo para cima, eles pareciam altos como coqueiros. Tudo o que víamos era a base do nariz: as narinas e dois buracos redondos. E a partir desta perspectiva, ouvíamos de nossos pais muitas informações bem intencionadas. O que nos chegava daquela altura toda produzia impacto. Vejamos o que o título PAPAI É UM COCO tem a dizer para cada pai aqui presente.

PAPAI É UM

Olha pai, outro dia eu estava pensando em você ao longo do tempo. Fiquei a meditar e quis me lembrar de como eu achava com quê você se parecia. Lembrei-me! Um coqueiro! Isso mesmo, um coqueiro! E você pode me perguntar: porque me achas parecido com um coqueiro? É simples, pai. Vou explicar e você vai me dar razão. Quando eu era pequenino e olhava você assim bem grande, você parecia tão alto igual a um coqueiro. Coqueiro! É que dá coco. O coco! Sim, o coco! Hoje eu tenho certeza que estava pensando certo. O caule, aquela haste enorme, serve para fazer cerca. E você pai é para mim é uma proteção; sinto-me seguro com você por perto! A palha, ah, a palha usada para cobrir casinhas pobres, para fazer abrigos provisórios. Você é uma sombra, é aquele teto sob o qual me sinto abrigado. Ah! E o coco. Esse então, é que parece mesmo. Aquela casca verda ou dourada quando maduro, lembra primeiro os dias em que você era bem jovem, como diria, no verdor da existência. Depois, o passar do tempo tornou você mais maduro, mais firme nas suas decisões. Lembrei-me da água de coco, que doçura, que pureza! Tal qua a doçura que você é e a pureza de seu caráter! Você vê? Eu estou certo. Mas, não pára por aí. Tem ainda o coco propriamente dito, descascado, madutro ou seco. Pai, você nem imagina! Aquela polpa quando o coco está verdinho, meio gelatinoso, igualzinho a você quando faço um cafuné na sua cabeça e dou um beijo, digo que o amo, nem que seja pra pedir um diheirinho, você fica todo dengoso e mole! A polpa madura, produz-se tanta coisa a partir dessa maravilha. Por exemplo: cocada, bolo, cucuz, tapioca, manjar, queijadinha, uma infinidade de coisas deliciosas. Cocada! Ai que delícia! A sua cara, pai! Você é uma coisa deliciosa que adoça minha vida! O bolo com coco fica mais delicioso. Nossa família é um grude, igual massa de bolo e você é que dá sentido, sabor a esse bolo familiar. O leite de coco usado no cuzcuz, na tapioca, no manjar, no mugunzá, na canjica... essas iguarias sem o maravilhoso leite de coco, simplesmente não tem graça, nem aquele sabor. Você pai, é quem se desdobra, se espreme, dá duro, se derrete no suor do seu rosto para melhorar a vida de todos nós com alimento, remédio, calçado, roupa, estudo, lazer. Para cada coisa e em cada coisa você está envolvido, tal qual o leite de coco, dando sentido e sabor a cada coisa. Pai você é o máximo! Pai, a indústria pega aquela parte seca e dura da entrecasca e a transforma em botões; os artesãos fazem mitas coisas bonitas a partir daquela parte do coco. Você é a obra prima do Artesão divino que enfeita nosso lar e nossa vida. Você é a fibra do coco. E por falar em fibra, essa é o que não falta em você. Assim por todos os meios, modos e maneiras, em tudo e por tudo, queira ou não, definitivamente, você pai, é um

coco!!!!

Autor: Isaías Andrade

Você pode fazer desse papel de parede um

bonito painel pintado, ou imprimir e fazer convites, ou o que sua imaginação mandar.

Esta é uma idéia para o convite e lembrancinha, feita com saquinho de TNT, com um coco em EVA colado na frente e dentro podem ser colocados: sequilhos de coco, bala de coco, bolo de coco, etc, tudo bem gostoso.

 

Segue abaixo receitas com coco:

SEQUILHOS DE COCO

4 xícaras de chá de maizena

2 ovos 1 xícara de chá de açúcar

2 colheres de sopa de margarina

1 pitada de sal

1 pacote de coco ralado (50 g)

Misture todos os ingredientes, até a massa ficar bem lisa. Enrole e corte igual ao nhoque e asse em forma untada e enfarinhada. Asse em forno moderado até dourarem.

BEIJINHO

1 lata de leite condensado

1 colher (sopa) de manteiga

4 colheres (sopa) de coco ralado coco ralado q.b. (para cobrir)

manteiga (para ajudar a enrolar)

amêndoas peladas e torradas (para enfeitar)

Levar numa caçarola o leite condensado e a manteiga no fogo brando, mexendo sempre até ganhar ponto. Desligar o fogo, acrescentar o coco, mexer para envolver e colocar esta massa num prato raso untado

COCADA COM LEITE CONDENSADO

1 lata de leite condensado

1 lata de açúcar (faltando dois dedos para encher)

1 coco ralado

1 colher de manteiga sem sal

Misturar tudo e levar ao fogo mexendo sempre com colher de pau ate dar ponto. Somente estará no ponto quando a mistura se desgrudar do fundo e das laterais da panela. Despejar no mármore untado, espere esfriar e corte em losango ou em quadrinhos

BOLINHOS DE COCO

1 lata de leite condensado

1 dl leite frio 4 ovos

150 gr côco ralado

sumo de 1 limão Ligar o forno a 180ºC.

Deitar o côco ralado e o leite numa tigela e misturar bem. Adicionar o leite condensado e voltar a misturar. Bater os ovos e adicionar ao preparado anterior, juntamente com o sumo do limão. Colocar a mistura em forminhas de papel dentro de forminhas metálicas (para não deformarem). Levar a forno médio cerca de 20 minutos.

BALA DE COCO

½ quilo de açúcar refinado

1 vidro de leite de coco (200ml)

Leve os dois ingredientes ao fogo médio até atingir o ponto de bala ou 126ºC. Despeje um pouco da calda em um recipiente com água fria e faça uma bolinha nos dedos. Despeje no mármore untado com manteiga e jogue as bordas frias para o centro. Comece a puxar quando a mistura estiver morna. A cor passa de perola para branco. Nesse momento, estique e comece a cortar. Deixe esfriar completamente e sirva. Validade: 10 dias Para balas geladas: Espalhe uma camada de coco em flocos já hidratado em uma assadeira, espalhe as balas, cubra novamente com coco e leve a geladeira por 12 horas. Embale em sacos plástico com parte do coco e mantenha refrigerado. Validade: 1 semana

domingo, 26 de julho de 2009

segunda-feira, 20 de julho de 2009

FELIZ DIA DO AMIGO

Quando o sonho se desfaz, Deus reconstrói. Quando se acabam as forças, Deus renova. Quando é inevitável conter as lágrimas, Deus dá alegria. Quando não há mais amor, Deus faz nascer. Quando a maldição é certa, Deus transforma em benção. Quando parece ser o final, Deus dá novo começo. Quando a aflição quer persistir, Deus nos envolve em paz. Quando a doença assola, Deus é quem cura. Quando o impossível se levanta, Deus o torna possível. Quando faltam as palavras, Deus sabe o que queremos dizer. Quando tudo parece se fechar, Deus abre uma porta. Quando você diz: não vou conseguir, Deus diz: Não temas, pois estou contigo. Quando o coração é machucado por alguém, Deus é quem derrama o bálsamo curador. Quando não há possibilidade, Deus faz milagre. Quando só há morte, Deus nos faz persistir. Quando a noite parece não ter fim, Deus faz nascer o amanhecer. Quando caímos num profundo abismo, Deus estende sua mão e nos tira de lá. Quando tudo é dor, Deus a dá o refrigério. Quando o calor da provação é grande, Deus dá a sombra de sua presença. Quando o inverno parece infinito, Deus traz o verão. Quando não existe mais fé, Deus diz: Acredita! Quando estamos a um passo do inferno, Deus dá a direção do céu. Quando não temos nada, Deus nos dá tudo. Quando alguém diz não somos nada, Deus nos diz que somos mais do que vencedores. Quando se torna difícil caminhar, Deus nos carrega no colo.

sexta-feira, 17 de julho de 2009

Programa Especial para o Dia do Vovô e da Vovó

A COROA DOS AVÓS SÃO OS FILHOS DOS FILHOS (Provérbios 17.6a) CENÁRIO 1- PAINEL: Uma pintura de uma avó com uma coroa na cabeça e em cima o tema do programa. 2- Um mural com uma coroa grande desenhada. Dentro pode fixar recadinhos dos netinhos. 3- Cartazes de cartolina com desenho de uma coroa e dentro, versículos da Bíblia como: Salmos 92:14, Provérbios 20:29, Provébios 17:06, ou alguma frase especial. Espalhar esses cartazes pelo salão onde será realizada a comemoração. EXECUTANDO A PROGRAMAÇÃO 1- Convite em formato de coroa 2- Idéias de Lembrancinhas: amigasdaedu.blogspot.com/2009/06/lembrancinha
http://brincandoeducando2.blogspot.com/2008_07_01_archive.html
3- Fazer coroas de cartolina amarela e contornada com dourado e nelas escrever: Vovó ou Vovô Sapeca, Coruja, Simpatia, etc. Coloque na cabeça de todas as vovós e vovôs. 4- No final da programação, servir um lanche. 5- Louvor com cânticos antigos. 6- Convidar algumas ctianças e adolescentes para recitarem poesias dedicadas aos avós. 7- Convidar uma pessoa para falar sobre o tema: A coroa dos avós são os filhos dos filhos. PROGRAMA: 1- Louvor 2- Boas vindas 3- Oração de gratidão 4- Leitura Bíblica ( Salmos 92.11-15) 5- Poesia 6- Cânticos 7- Mensagem 8- Oração de encerramento 9- Musica Especial 10- Entrega dos recadinhos 11- Entrega das lembrancinhas 12- Lanche. Fonte: Revista Visão Missionária

quarta-feira, 15 de julho de 2009

Fofuxos Desbravadores

GENTE, EU QUASE DEI UM TRECO QUANDO EU VI ESSAS COISINHAS MAIS LINDAS, MUITO FOFAS, DÁ VONTADE LEVAR PRA CASA. PARABENIZO A REGIANE DE FOZ DO IGUAÇU, PELOS LINDOS TRABALHOS POSTADOS EM SEU FLICKR, AMEI....
Fonte:http://www.flickr.com/people/31396263@N05/

segunda-feira, 13 de julho de 2009